Centro de Interpretação Templária abre em Portugal

Castelo de Almourol

Nas proximidades da cidade templária de Tomar, Portugal, pode ser encontrado um dos Castelos Templários mais evocativos do mundo: Almourol. Situado numa pequena ilha no meio do rio Tejo, supervisionando as margens e guardando rotas secretas dos Templários de todos os inimigos, Almourol é o tema da lenda.

No final de 2018, o Município de Vila Nova da Barquinha abriu bem no centro da vila, o novo Centro de Interpretação Templária, um lugar onde a Ordem dos Templários e sua continuação na Ordem de Cristo (dos Descobrimentos) é comemorado com exposições temáticas, conferências, uma abrangente biblioteca e exibições multimédia disponíveis para o público explorar.

O Centro tem apoios, para além do Município e do Exército Português que actualmente tem jurisdição sobre o Castelo de Almourol, do investigador, filósofo e historiador Prof. Manuel J. Gandra, a autoridade mais respeitada nos estudos Templários em Portugal – não só devido à sua sólida formação académica, mas também porque ele tem sido o autor mais prolífico e consistente sobre o tema nos últimos 25 anos. O trabalho do Centro e do Prof. Gandra foi totalmente endossado pelo OSMTHU (Ordo Supremus Militaris Templi Hierosolimitani Universalis), que planeia promover alguns eventos culturais em 2019 e 2020 e associar a Ordem a este farol da história dos Templários que merece a atenção e colaboração do mundo Templário.

Links relacionados com esta notícia:

Abaixo pode visualizar um vídeo de apresentação do Centro, bem como uma visita aérea do Castelo de Almourol:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *