Masonic Charitable Foundation – subsídio de £1 milhão ajuda avanço na pesquisa do cancro da próstata

Em 2004, a Masonic Charitable Foundation efectuou uma doação de £ 1 milhão para o Institute of Cancer Research. Pretendia-se que nos dez anos seguintes, esta doação financiasse uma pesquisa pioneira sobre o cancro da próstata.

Temos o prazer de anunciar que esta pesquisa produziu alguns resultados muito interessantes que permitiram identificar 80 fragilidades moleculares no cancro da próstata que poderiam ser acedidas através de drogas.

O professor Paul Workman, co-autor do estudo e director executivo do ICR, disse:

Este estudo revelou um número notavelmente grande de novos genes que impulsionam o desenvolvimento do cancro da próstata, e deu-nos informações vitais sobre como explorar a biologia da doença para encontrar potenciais novos tratamentos.

Novas abordagens para tratamento

O estudo – que é o maior e mais abrangente já realizado sobre os genes que impulsionam o cancro da próstata – descobriu que cerca de um quarto destas mutações envolvem os alvos dos medicamentos existentes que estão licenciados ou em ensaios clínicos. Isto sugere que estes poderiam ser promissores para um estudo mais aprofundado com novas abordagens ao tratamento. Além disto, 60 novos alvos potenciais para o tratamento do cancro da próstata foram identificados para futuras investigações, bem como a identificação de muitos novos genes associados ao desenvolvimento da doença.

O artigo original pode ser lido AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *