Grande Loja Unida de Inglaterra (UGLE) – Mensagem de Peter Lowndes, Pro Grão-Mestre

peter lowndes fg54rtfghj
Peter Lowndes, Pro Grão-Mestre da United Grand Lodge of England

A comunicação abaixo, do Pro Grand Master, Peter Lowndes, foi enviada a todos os membros em 19 de Março de 2020:

Prezados irmãos e companheiros,

Estes são tempos difíceis e de teste para todos nós. Primeiro, gostaria de agradecer a cada um de vós pela sua paciência e compreensão durante este período desafiador e preocupante.

O coronavírus ficará connosco por um tempo considerável, e estou certo de que estão tão decepcionados quanto nós, porque relutantemente, suspendemos toda a actividade maçónica. Espero que concordem que foi a acção certa na hora certa.

Avalio a enorme perturbação que isto nos causará a todos nós, e também o buraco deixado nas nossas vidas pela retirada de algo que consideramos imensamente querido. Para aqueles que são maçons há alguns meses, isto pode parecer um pouco estranho, mas para aqueles como eu, que foram “mordidos pelo insecto”, não podemos deixar de sentir perplexidade e tristeza com a rapidez com que algo tão importante nos foi tirado, ainda que temporariamente.

Nos próximos meses, podemos não nos ver tanto quanto víamos recentemente; podemos estar espalhados por todo o país, ou mesmo pelo mundo, e podem pedir-nos coisas que ficam fora da bússola comum do nossa experiência. Do ponto de vista pessoal, com mais de 70 anos e diabético, estou a levar a sério o “bloqueio”, como tenho certeza de que todos os irmãos na mesma situação o farão. É claro que existem muitos nesta posição e não é fácil sem ideia ainda que vaga sobre quando terminará. As minhas verdadeiras simpatias vão para quem mora sozinho. Tenho sorte, tenho uma esposa, assim como os nossos filhos, todos bastante solidários e a nossa filha está a organizar as nossas necessidades de compras, quando elas não podem ser entregues. Espero que muitos dos nossos irmãos estejam no mesmo barco e acima disso, todos nós temos a nossa grande e activa comunidade maçónica em que confiar. Temos mais sorte do que a maioria.

O meu filho mais novo está convencido de que o melhor caminho a seguir é tentar ter alguma forma de estrutura nos nossos dias, pois é a isso que estamos acostumados a maior parte de nossas vidas, embora num formato muito diferente. Suspeito que, nos tempos actuais, a estrutura tenha uma aparência bastante estranha. Vivemos numa área razoavelmente isolada e podemos caminhar por mais de uma hora sem ver ninguém; portanto, acho que o cão ficará muito mais em forma (e pode até tornar-se um melhor ritualista!); o meu escritório pode finalmente ficar e permanecer arrumado e posso acompanhar todas as coisas que venho a adiar há muito tempo. Isto não demorará três meses ou o tempo que for necessário, mas tenho certeza de que outras actividades irão surgindo com o passar do tempo. Qualquer coisa para manter a mente e o corpo activos. Obviamente, em algum momento no futuro, a vida voltará ao normal.

Eu já referi a tentativa de manter uma estrutura nos nossas vidas. A Maçonaria é uma instituição muito bem estruturada. Actualmente, essa estrutura foi perturbada, mas tenha certeza de que, embora o Book of Constitutions seja bastante rígido em alguns assuntos, serão encontradas maneiras de garantir que as Lojas e os Capítulos voltem ao formato certo o mais rápido possível após o reinício. Este período difícil seguirá o seu curso e mover-se-á para a história, e as nossas Lojas e Capítulos começarão a se reunir novamente. Os candidatos experimentarão a maravilha da cerimónia de iniciação, o irmão Tesoureiro caçará novamente os seus Irmãos em tarso, para receber as suas quotas, os Grandes Oficiais, o que uma pena, continuarão a “ensinar” nas fileiras de trás sobre algum deslise cerimonial, imaginado ou real, e o ritmo de nossas vidas maçónicas voltará ao normal novamente.

Nos últimos anos, tentámos enfatizar que a Maçonaria deve permanecer relevante para a sociedade e nunca duvidei que esse tenha sido o caso de muitas maneiras. No entanto, nunca foi tão relevante quanto o é agora. O que fizermos nos próximos meses será escrito nas nossas histórias da Loja e do Capítulo e testar-nos-á, como organização e como pessoas, talvez mais do que qualquer outra coisa nas nossas vidas. Acho justo dizer que não me lembro de um tempo de maior teste para a organização, para a sociedade e para o país. Precisamos de intensificar e fazer nossa parte, como já fizemos em tempos difíceis, para ajudar aqueles nossos irmãos menos afortunados, as suas famílias e as comunidades onde estamos inseridos.

É por isto, que divulgámos hoje uma declaração conjunta com o Masonic Charitable Foundation (MCF), The Freemasons’ Charity, comprometendo-nos a ajudar os necessitados. Por todo o país, nas províncias grandes e pequenas, os maçons estão a unir-se para se comprometer a ajudar aqueles que se encontram no ponto mais baixo da vida. Encorajo todos os que se sentem capazes de comprometer, com segurança, tempo e esforço, a pensar em como poderão desempenhar um pequeno papel neste digno esforço nacional. Já existem muitas ideias excelentes por aí, e vamos partilhá-las e a forma como são bem-sucedidas à medida que as coisas se desenvolvem.

Precisamos da sua dedicação, flexibilidade e paciência nas próximas semanas e meses para nos ajudarmos nestes tempos turbulentos. A Maçonaria resistiu a muitas tempestades na sua história de séculos. Também vai resistir a este e emergiremos prontos para os desafios de, suspeito, um mundo muito diferente.

Cuidem-se, irmãos, e confio que podemos voltar à normalidade num futuro não muito distante. Desejo-vos e à vossa família, boa saúde e felicidade, e mais do que vosso quinhão de sorte.

Peter Lowndes – Pro Grand Master (United Grand Lodge of England)

Tradução de António Jorge

A notícia original pode ser lida AQUI

Artigos relacionados

One thought on “Grande Loja Unida de Inglaterra (UGLE) – Mensagem de Peter Lowndes, Pro Grão-Mestre

  • Avatar

    Parabéns ao irmão Peter Lowndes, Pro Grão-Mestre da United Grand Lodge of England, pela mensagem otimista e ponderada.
    Sairemos fortalecidos…
    É fundamental identificar e ajudar os que passam por dificuldades, como também, direcionar nossas compras para os pequenos comerciantes, mesmo que o preço possa ser um pouco maior.
    Penso que poderíamos utilizar as ferramentas da internet como grupos de whatsapp e reuniões breves via ‘live streming” para manter aquecido os laços de fraternidade.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *