Aprendendo com os Gansos

A Etologia é o estudo do comportamento animal (geralmente nas suas condições e ambiente naturais). Deriva dos trabalhos do austríaco Konrad Lorenz (1903-1989) e do holandês Nikolaas Tinbergen (1907-1988).

A criação desta nova ciência valeu-lhes, juntamente com Karl von Frisch, o Prémio Nobel da Medicina e Fisiologia de 1973. Muito temos a aprender com os animais, nossos “irmãos menores”.

1 – Quando os gansos voam, estabelecem uma formação em “V”. A tal respeito, os cientistas fizeram algumas descobertas. À medida que cada ave bate as suas asas, cria-se uma área de sustentação para a ave seguinte. Dessa maneira, voando em formação “V”, o grupo inteiro consegue mover-se no ar, com pelo menos 71% menos esforço do que se cada ave voasse isoladamente.

Ensinamento

Pessoas que compartem uma direcção comum, com sentido de equipa, atingem resultados muito mais rápida e facilmente, porque se apoiam na colaboração e confiança mútuas.

EM LOJA, se o nosso trabalho for sinérgico, associativo, e não competitivo, cumpriremos a nossa missão com menos esforço e mais eficácia.

2 – Quando o ganso líder se cansa, há um revezamento. Ele vai para a parte de trás do “V”, enquanto outro ganso assume a ponta.

Ensinamento

O revezamento dos esforços permite avançarmos mais facilmente nas tarefas mais árduas.

EM LOJA, a distribuição dos cargos, dos mais simples aos mais complexos, dos menos relevantes aos essenciais, dentro de uma seriação, alternância ou escala de trabalhos, de modo a que todos cooperem na mesma tarefa, trará grande economia de energia e evitará a perda de entusiasmo, por não ficarmos submetidos a actividades rotineiras e repetitivas. O trabalho maçónico não deve ser motivo de estafa, mas uma fonte de prazer, enquanto cada um estiver fazendo as suas funções.

3 – Os gansos de trás grasnam para encorajar os da frente a manterem o ritmo e a velocidade.

Ensinamento

Todos, necessitamos de ser reforçados com apoio activo e encorajamento. Incentivo e estímulo são fundamentais, quando queremos manter ou melhorar o ritmo e a velocidade das nossas empreitadas.

EM LOJA, é de suma importância a presença e a participação de todos, fornecendo feedback, reconhecimento, sugestões, críticas construtivas, encorajamento, esclarecimentos, informações etc.

4 – Quando um ganso adoece ou se fere e deixa o grupo, dois outros gansos saem da formação e seguem-no, para o ajudar e proteger. Eles acompanham-no até que as suas condições melhorem e, então, os três reiniciam a jornada, juntando-se a outra formação, até encontrar o grupo original.

Ensinamento

Precisamos de ser solidários nas dificuldades.

EM LOJA, temos que vivenciar o princípio básico da Fraternidade, oferecendo aos Irmãos apoio, protecção, cooperação, caminhando ombro a ombro, como se fôssemos um só homem.

5 – Sempre que um ganso sai da formação, sente, repentinamente, a resistência do ar e a dificuldade de voar só. Rapidamente, ele volta à formação, para tirar vantagem do poder de sustentação da ave imediatamente à sua frente.

Ensinamento

Existe força, poder e segurança no grupo, quando rumando na mesma direcção e partilhando um objectivo comum.

EM LOJA, pela “egrégora” que se forma, recebemos a assistência espiritual de que carecemos e o reforço moral para enfrentarmos as vicissitudes de nossa vida no mundo profano.

Adaptado de Autor desconhecido

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *